O que é a EAD – História da Educação a distância no Brasil?

História da Educação a distância com os primeiros movimentos ainda na década de 30, sua evolução e a aprovação da lei de normatização do modelo EAD que chegou as universidades.

» Página Inicial

A sigla EAD é relativamente nova em nosso país, a educação a distância nem tanto. Qual a diferença entre elas? Nenhuma. EAD é sigla de Educação a Distância, mas ela passou a ser usada desta forma mais recentemente e principalmente com o surgimento das faculdades e universidades a distância que passaram a oferecer cursos superiores através desta modalidade.

História da Educação a distância

Com mencionado acima, no Brasil desde o final da década de 30 já existem algumas ações de ensino a distância, como é o caso do Instituto Monitor e Instituto Universal Brasileiro que são basicamente um dos pioneiros neste sistema de ensino.

O Senac São Paulo também é lembrado por sua Universidade do Ar que data de 1947, onde as aulas eram distribuídas para emissoras de rádio através de disco de vinil e teria beneficiado milhares de pessoas até sua extinção em1962.

O Telecurso também é lembrado no aspecto história da educação a distância e embora seja mais recente, mas ainda assim foi pioneiro pois estamos falando da década de 70 ainda. Outro projeto que merece ser lembrado foi o CEAD – Centro de Educação a Distância do Departamento Nacional de Educação,

EAD e Internet

Mas foi só em 1996 foi estabelecida a lei nº 9.394/96 que normatizou a educação a distância no Brasil e equiparando-a a outras modalidades de ensino. Até então ela não era vista como uma modalidade de educação com as mesmas prerrogativas que o ensino presencial, pelo menos não na visão informal.

Neste mesmo período ganhava força no Brasil um importante aliado da educação a distância que foi a internet. A união de EAD e internet parecia inevitável e não demorou muito para que escolas, educadores e empreendedores da educação percebessem o enorme potencial de ambas as ferramentas.

Curso superior a distância

Mas o grande salto da educação a distância foi mesmo com a entrada das faculdades e universidades que passaram a oferecer cursos de graduação e pós-graduação pelo sistema EAD. Visto com muita desconfiança e críticas no início, as faculdades a distância ganham cada vez mais destaques. No início teve forte apelo das instituições particulares e agora se consolida com a presença das instituições públicas que oferecem alem de cursos gratuitos, agora também a distância.

Ensino semipresencial

Embora seja considerado EAD, a maioria dos cursos superiores, especialmente, são na verdade semipresenciais onde o aluno mescla suas atividades em aulas a distância e presencialmente em u m polo de apoio presencial na cidade do aluno.


 
Veja também: